• 10% na 1º compra com o cupom 4UDEZ

  • PArcele em até 3x sem juros

O seu carrinho está vazio

Continuar Comprando

"Life is too short for bad wines." Susie Barrie, Master of Wine

4U. wine - vinhos diferentes para surpreender você

Dirceu Vianna Jr., o único Master of Wine brasileiro e especialistas convidados como a Master of Wine inglesa Susie Barrie, degustam às cegas e selecionam somente o que merece chegar à sua taça. Não representamos marcas nem produtores para ter a liberdade de selecionar somente safras e rótulos que sejam interessantes, não só pelo seu sabor mas pela sua história e que surpreendam na relação qualidade/preço. São vinhos europeus cujas safras selecionadas são de exclusividade 4U.wine.

Rully na Borgonha, você conhece?

Na Côte Chalonnaise é possível encontrar excelente ou o melhor custo benefício na França! Lembrando que não estamos falando de vinhos baratos mas da qualidade que se pode obter pelo preço que se paga.

A Côte de Beaune e a Côte de Nuit têm mais nome, de forma que um vinho da Côte Chalonnaise tem chances grandes de ser um excelente Borgonha, por metade do preço!

Estamos no Sul da Côte de Beaune e norte da montanhas de Mâconnais e no berço do Crémant de Borgonha! Quando pensar em um excelente Crémant, é desta região ele que vem!

Rully é uma das cinco aldeias da Côte Chalonnaise que tem status de AOC (as outras são Bouzeron, Givry, Mercurey e Montagny). Os vinhos Rully AOC são produzidos na comuna de Rully e Chagny, seu vizinho ao norte. O Rully AOC está localizado a sudeste de Bouzeron e a noroeste de Mercurey.

Mapa da Borgonha e sub-região de Côte Chalonnaise Rully

Fonte da imagem: https://www.decanter.com

 

A apelação Rully AOC produz vinhos tintos e brancos e inclui 23 vinhedos premier cru. Os vinhos brancos podem ser feitos com Chardonnay ou Pinot Gris, mas na prática eles são quase exclusivamente Chardonnay. Os vinhos tintos são produzidos a partir de Pinot Noir, podendo conter até 15% de Chardonnay ou Pinot Gris (combinado).

A comuna de Rully está localizada logo abaixo do lado leste de um cume de calcário baixo chamado La Montagne de la Folie, a “Montanha da loucura”, em função de uma lenda muito antiga que conta que os aldeões do vale muitas vezes viam luzes tremeluzentes vindo do alto das colinas. Eles apelidaram essas luzes de la folia (dança das fadas).

A Montagne de la Folie é uma extensão da escarpa calcária da Côte de Beaune. Corre de norte a sul, entre as comunas de Rully e Bouzeron. Os melhores vinhedos do Rully AOC (e a maioria dos premiers crus) estão localizados nas encostas orientais de La Montagne de la Folie.

RULLY FRANCA BORGONHA

Rully Montagne La Folie é um vinho branco tenro e fino onde se misturam aromas de flores e mel e quem o produz é Claudie Jobard, filha de Roger Jobard, viveirista de profissão, criou sua propriedade em Rully na década de 1970. 

Rully Montagne La Folie vem de um terreno único de 2,5ha, voltado para sudeste localizado na Montagne de la Folie entre Rully e Chagny. O solo é argilo-calcário e muito pedregoso. As vinhas tem uma idade média de 45 anos com Chardonnay de clones qualitativos com baixos rendimentos. Quanto à vinificação, após a colheita e prensagem, o mosto é decantado a frio durante 24 horas. A fermentação alcoólica ocorre em barricas de carvalho.

Desta produção muito pequena, conseguimos trazer também algumas garrafas do tinto Rully La Chaume que Dirceu descreve da seguinte forma em sua notas de prova:

"Este é um delicioso clássico da Borgonha exibindo aromas de frutas silvestres, bagas escuras, ameixas, chão da floresta e um toque de especiarias resultado do uso criterioso do carvalho. Na boca é puro, elegante, harmonioso e bem integrado com estrutura requintada, bom peso, textura sedosa e frescura viva. Pode ser lindamente bebido agora e possui todas as qualidades para envelhecer graciosamente.” 

 Degustação vinho da Borgonha Pinot Noir região Rully na França

Acima uma foto que registra um pouco da nossa visita até Rully quando tivemos a oportunidade de degustar a safra 2020. Fica a lembrança não só dos vinhos fantásticos produzidos por Claudie mas de uma tarde com histórias interessantíssima que contamos neste outro artigo.

 

 

Comentários (0)

Deixe um comentário